Pincel de Base e Corretivo da Prada – Resenha

Apesar de a maioria das meninas reclamarem dos pincéis Prada, foi o único pincel de base que consegui encontrar, é difícil encontrar pincéis por aqui, só tem Prada em todo o lugar, com sorte encontra-se Proart que eu gostei bastante, e Marco Boni que são bonzinhos.

O pincel para base e corretivo da Prada é feito com cerdas sintéticas, o indicado para uso de base, pois economiza produto. E tem um preço bem acessível.

Tirei uma foto na mão para dar uma noção do tamanho, que é pequeno e fino para um pincel de base. Causando o que se pode ver na foto com as certas sujas de base, as certas ficam com umas pontas, esse formato fazem listra na base enquanto se passa na pele, o que não é um efeito nada legal, e muito menos o desejado. Por isso a aplicação acaba sendo um pouco mais demorada, pois tem que se passar mais algumas vezes o pincel sobre a base já aplicada na pele para tiras as listras.

Em geral funciona bem, se você puder comprar outro é melhor, mas se só tiver essa opção, ou não tiver grana, esse pincel quebra um galho, ajuda a aplicar a base, é melhor do que passar com os dedos. Acredito que o problema vai ser se sua base for daquelas que secam super rápido, na mesma hora que se aplica, então provavelmente não dará para tirar as listras, e sair com a cara listrada não é a intenção. Então, não indico se sua base for assim. Eu testei com a base da Tracta, e da Vult.

Também testei para aplicar corretivo, os meus corretivos são bem durinhos, com textura daqueles de bastão, e mesmo assim funcionou bem, da mesma forma que a base, faz umas listras, mas dá para tirar. Bem melhor que aplicar com o dedo também, meus corretivos parecem que grudam mais no dedo que no rosto, com o pincel é mais rápido. É claro que não serve para áreas muito pequenas, para isso precisa de um pincel menor.

7 thoughts on “Pincel de Base e Corretivo da Prada – Resenha”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *